5 minas do YouTube que me inspiram

sábado, junho 17, 2017 Cecilia Fernandes 0 Comments


O YouTube é uma daquelas redes que te consomem facilmente. Você começa assistindo uma vídeo aula e termina entendendo como as minhocas perfuram a terra, você vê um clipe de uma música nova e acaba descobrindo três artistas interessantes, você procura uma receita e acaba vendo experimentos com elementos químicos desconhecidos. Enfim, é um lugar incrível e lar das mentes criativas da atualidade. 
Entre criadores de conteúdo dos mais diversos gêneros, encontram-se mulheres que têm desenvolvido o conceito de vlog atualmente, transformando a rede num instrumento para difundir conhecimento e pensamentos importantes. Como uma pessoa apaixonada por bons talentos, e boas mensagens, fiz uma lista das cinco youtubers femininas que mais me inspiram, espero que gostem.
1. JoutJout 
A Júlia Tolezano, conhecida na internet como JoutJout, é uma das influenciadoras digitais da minha geração. Ela se tornou mais conhecida graças ao vídeo "Não tira o batom vermelho" em que fala sobre relacionamentos abusivos, desde então, seu trabalho tem se desenvolvido muito e o canal aborda temas diversos do cotidiano, desde pensamentos da própria Júlia até reflexões importantes sobre a nossa sociedade. O inspirador sobre ela é que, através da simplicidade no vestuário e na forma de falar nos vídeos, ela conversa com seus seguidores sobre aflições que todo mundo tem, quebrando tabus e mostrando uma perspectiva mais positiva acerca dos problemas levados ao canal. 

Conheci-a em 2015 e desde então acompanho seu trabalho, responsável por desconstruir muitos pensamentos que antes eram assustadores pra mim. A JoutJout é encantadora dentro da sua personalidade e da sua visão do mundo, buscando reivindicar os direitos da geração por meio de seus vídeos. 
Link do canal: aqui 
Meu vídeo favorito: É óbvio que você tá ansioso

2. Louie Ponto
O canal da Louie é um dos meus mais recentes amores. Conheci o trabalho dela há algum tempo por meio da página Quebrando o Tabu no Facebook, mas só passei a admirar e seguir suas atividades nesse mês de junho, quando assisti o vídeo sobre dia dos namorados e acabei escrevendo um texto enorme acerca do assunto. A Louie é um dos ícones de representatividade LGBT no YouTube, no seu canal a discussão sobre gênero, sexualidade e representatividade são recorrentes e consistentes no que diz respeito à informatividade aos seus seguidores.

Ela transparece ser um doce de pessoa, tratando temas diversos com sua personalidade divertida e sincera. O que me inspira sobre ela é ver como ela enfrenta a timidez e seus próprios medos na frente da câmera, falando sobre assuntos complicados com simplicidade e bom humor. 
Link do canal: aqui

3. Nátaly Neri
A Nátaly, do canal Afros e afins, é um ícone da representatividade negra do YouTube. Ela é uma das mulheres mais empoderadas, fortes e decididas que eu já conheci por meio da internet e por isso a admiro muito, justamente pela energia que ela passa aos seguidores com seus vídeos sobre os assuntos mais variados e importantes possíveis. Quando eu vi a colaboração que ela fez no canal da JoutJout fiquei surpresa com a personalidade dela, mas depois de afundar em seus trabalhos acabei transformando-a em uma das minhas inspirações cibernéticas mais importantes.

Pode parecer bobagem, mas a Nátaly ensinou para mim e para grande parte de seus seguidores a encontrar a própria força, a vencer dilemas como o racismo, o sexismo e os preconceitos sociais com um sorriso no rosto ao invés de uma revolta não saudável. Minha inspiração nela reside na capacidade que ela tem de transformar coisas ruins da vida em oportunidades para se aperfeiçoar e transformar a realidade em que vive em algo melhor. 
Link do canal: aqui
Meu vídeo favorito: Como eu aprendi a me amar 

4. Ellora Haonne 
Conheci os vídeos da Ellora pelo Facebook, confesso que no começo não me identifiquei muito com a personalidade dela, mas quando venci o pré-julgamento e me permiti assistir meia dúzia de seus vídeos descobri mais uma inspiração a ser ouvida. O que me marca na Ellora são as mensagens de amor próprio que ela carrega, a forma com que ela quebra os padrões de beleza impostos com um sorriso no rosto, o jeito natural que ela assume sua personalidade, seu jeito e seu corpo. 

A Ellora desconstrói tudo aquilo que não a agrada de um jeito bem sincero e pessoal, com a forma dela de se expressar e sem temer a opinião alheia, justamente por ela ter certeza da própria identidade. A inspiração que ela me trás tem a ver com isso, de abraçar a si mesmo, de se assumir diante do mundo e bater de frente com os padrões, a força que ela transmite com as reflexões dos vídeos é notável e importante para as meninas que acompanham o canal dela. 
Link do canal: aqui
Meu vídeo favorito: Porque mulher é vulgar?

5. Rayza Nicácio
Eu amo essa mulher! A Ray é uma das youtubers que eu conheço a mais tempo, ela tem uma influência imensa no meu processo de aceitação do meu cabelo e do meu estilo, eu a admiro muito não só pela beleza quanto pela personalidade. Embora ela tenha um canal voltado para beleza e cabelos cacheados, a Rayza me inspira muito quando entra no campo de estilo de vida, falando sobre as questões pessoais, sobre aceitação, autoestima e identidade.

O trabalho dela é repleto de amor, além de ser voltado para o público das mais variadas idades que estão querendo ajuda para compreender o próprio estilo e aceitar as diferenças existentes em torno dos cachos. Acredito no que ela tenta passar de mensagem aos seguidores e a determinação dentro do que ela faz acaba movendo dentro de mim esse sentimento de aceitação e força. 
Link do canal: aqui

E você, quais são as mulheres no YouTube que te inspiram?

0 comentários: