Piscar de olhos.

quarta-feira, janeiro 07, 2015 Cecilia Fernandes 0 Comments


Você já parou para pensar no número de pessoas que trocam olhares com você? Quantos olhares se cruzam com o seu durante o dia, na escola, no trabalho, na faculdade, até no próprio ônibus durante a volta pra casa.

Já se questionou quantas dessas mesmas pessoas entram na sua vida? Tente se lembrar de quando seu olhar se cruzou pela primeira vez com as pessoas que hoje mais te importam: seu melhor amigo, seu namorado, seu grupo de amigos mais próximo, até mesmo os próprios familiares, pai, mãe, irmão, o que seja. 

Pessoas vêm e vão em nossas vidas na mesma velocidade de uma troca de olhares, tão rápido quanto vem muitas delas se vão sem nem ao menos nos tomarmos conta disso. Nos afastamos, deixamos de responder as mensagens, fingimos não notar a presença, saímos do posto amigo para um simples conhecido qualquer. Perdemos a amizade que poderia se tornar algo muito maior em troca de nada.  Não saímos da nossa zona de conforto para manter as amizade, acreditamos que permanecer com as amizades antigos é muito mais simples e menos trabalhoso do que correr atrás de laços frouxos para cingi-los. 

O que estou buscando dizer nesse curto, porém sincero texto é que cada olhar, cada pessoa que vemos, que conhecemos e que adentram nossas vidas tem uma importância, seja para o bem ou para o mal. Cada pessoa colocada diante de nossa breve e trabalhosa linha do tempo tem um propósito que só pode ser descoberto e aproveitado caso tenhamos a coragem e força de vontade de mante-los em nossas vidas.

Valorize-os, assim como chegam em nossas vidas os mesmos podem sair num mísero piscar de olhos.

0 comentários: